domingo, 12 de julho de 2015

Aprendizado e Repetição

Sabemos que para aprender alguma coisa nova repetir o aprendizado ajuda a fixar essa nova experiencia. Desde que Guilherme tinha alguns meses já percebíamos isso, repetir alguns exercício em casa sempre deu um bom resultado na terapia. Acabamos repetindo exercícios que eram bem desgastantes e resolvemos deixar essa parte somente no momento da terapia, afinal somos os pais, por mais boa vontade que tenha, esse papel é do terapeuta, seja ele fisio, fono, Terapeuta Ocupacional...
Nos empolgamos muito na fisioterapia e exigimos de nós os benefícios que Gui conquistou, sentar, levantar, andar no tempo de qualquer criança. Na fono percebemos que não podemos insistir, devemos somente repetir, a insistência em exercícios serviu muito bem para a Fisio, mas na fono não.

Guilherme tem o tempo dele, temos que repetir as atividades, mas não insistir. E isso dá muito resultado, agora ele está aprendendo a juntar as palavras para se comunicar melhor.
Um novo exercício foi inserido na rotina dele. Frequentemente Gui fica gesticulando os lábios sem sair som nenhum, pedimos para ele repetir uma palavra e ele gesticula sem som, eis que a Fono nos ensinou um excelente exercício para ele não fazer isso, simplesmente fazer a mesma coisa que ele, ele fica incomodado e logo para de gesticular e fala.
Isso que é mostrar o quanto tem personalidade e consciência do que está fazendo.

Existe um limite do aprendizado por repetição e é nosso papel perceber este limite e repeitar. Não é fácil, mas não é impossível.

0 comentários:

Postar um comentário