sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Carinho

Educar os filhos é uma árdua tarefa que pode se abrandar quando demonstramos carinho, mesmo quando somos firmes.
Explicar detalhadamente o por quê de cada não (pode ter certeza que eles entendem) e fazer isso varias vezes até perceber a mudança de comportamento é a melhor forma de educar. O carinho, o abraço e o beijo ajudam demais nesse processo de educação, pois os filhos devem se sentir amados o tempo todo.


Tentamos educar os meninos utilizando essa premissa, nem tudo funciona 100% da primeira vez, mas hoje estamos colhendo os frutos deste trabalho de educação de nossos filhos, recebemos abraços, beijos, afagos deles o tempo todo e sempre os incentivamos a abraçar os seus amigos, eles adoram. Óbvio que eles choram, fazem birra e deixamos eles passar por esse momento, chorar é importante, tentar "comprar" o choro com alguma coisa para que cesse o berreiro não é legal, depois que o choro passa, e passa sozinho, os meninos sempre correm para nós para dar um grande abraço, este é o momento de explicar o que estava errado e que nós amamos muito eles.
Vez ou outra um dos meninos acaba machucando o outro, neste momento explicamos que não pode fazer isso e terminamos pedindo que se abracem. Isso acabou se tornando uma rotina que eles brincando ou arrumando confusão se abraçam o tempo todo.
Quem recebe carinho vai sempre devolver. Sempre.
Ah, esse conceito é totalmente empírico, nós que conseguimos um bom resultado orientando nossos filhos assim, não nos embalsamamos em livros ou teses para educar dessa forma. O que nos ensina é o coração de pai e mãe.

Por Murillo Oliveira
murillo@meufilhotemdown.com


0 comentários:

Postar um comentário